14 de agosto de 2018
Sono, sexo e resiliência estão na lista da longevidade e de uma vida mais saudável

Ter mais de 40 anos, para a maioria das pessoas, pode ser um período de renovação. As mudanças acontecem no  corpo e , principalmente, na mentalidade de cada um. “Apostar em uma vida saudável, leve e prazerosa, enxergando os obstáculos da vida de modo resiliente, permite uma longevidade natural e com propósito”, explica a terapeuta e especialista em envelhecimento Marília Sanches.

Uma lista de dez mudanças naturais que podem acontecer a partir dos 40 foi feita pela Movimentmarca de cuidado adulto. As transformações devem ser encaradas com muita tranquilidade, pois não vão fazer sua vida parar.

por

  • Relações plastificadas
  • Curso online é opção para quem quer voltar a estudar depois dos 45 anos
  • Quase metade dos homens brasileiros tem medo de ficar velhos
  • Comente pelo facebook:
    31 de julho de 2018
    Morrer, depender de outras pessoas, falta de vida ativa e doenças são os maiores receios masculinos

     

    Quem acha que só as mulheres têm medo de envelhecer, por conta da cobrança social pela “eterna juventude”, está bastante enganado. Pesquisa mostra que quase metade dos homens brasileiros (43%) enxerga a velhice como uma ameaça.

    O estudo feito pela Sociedade Brasileira de Geriatria e Gerontologia (SBGG) – São Paulo, em parceria com a Bayer, mostra que o que mais aflige esses homens é o medo de morrer (28%), a dependência de outras pessoas (18%), a falta de vida ativa (14%) e o desenvolvimento de doenças (11%).

    por

  • “Aos 40 anos, é necessário se libertar dos maus hábitos”
  • Silício ajuda no combate à queda de cabelo
  • Baratas, moscas, gripe do manobrista: inimigos que podem invadir o seu carro!
  • Comente pelo facebook:
    18 de julho de 2018
    Dinheiro vivo, pesquisa de preços e versatilidade ajudam os turistas na hora de economizar no balneário do Sul da Bahia

    Fitinhas do Bonfim amarradas atrás da Igreja Nossa Senhora d’Ajuda: tradição e fé

    Crise e alta do dólar têm impacto direto na escolha do destino de férias. Como viajar para o exterior com a moeda americana ou o euro nas alturas? Nesta hora, destinos nacionais ganham força e um lugar que eu adoro, mas que também não é muito baratinho, é Arraial d’Ajuda, na Bahia. O distrito de Porto Seguro é diversão garantida para quem curte belas praias, ótima gastronomia de peixes e frutos do mar, agito noturno e a malemolência e simpatia dos baianos.

    Acabei de voltar de uma temporada no Arraial e separei algumas dicas que podem ajudar na hora de economizar, sem abrir mão do conforto e da diversão.

    por

  • Carro que estaciona sozinho deve agradar público feminino
  • Viajar sozinha: você pode ser sua melhor companhia…
  • A mulher deve ser a melhor amiga da mulher!
  • Comente pelo facebook:
    30 de janeiro de 2018
    Especialista alerta: “Tratamento barato deve ser questionado”

    A aplicação da toxina botulínica é o procedimento estético não-cirúrgico mais realizado no mundo – por ano, são mais de 4,6 milhões de aplicações, segundo a International Society of Aesthetic Plastic Surgery (Isaps – Sociedade Internacional de Cirurgia Plástica Estética).

    Desde que ficou disponível para fins estéticos, a toxina botulínica tem sido vista como uma poderosa arma de combate ao envelhecimento.

    Mas apesar da popularização do tratamento no Brasil e no mundo, muitas dúvidas existem em relação ao tema, alguns temores e muitos cuidados a serem tomados na hora de escolher uma clínica, consultório ou profissional.

    Hoje, vários profissionais estão aplicando a substância: enfermeiros, fisioterapeutas e dentistas já oferecem o procedimento. E os preços também variam muito!

    por

  • Maquiagem para cabelo disfarça fios brancos
  • “Como foi seu Dia Hoje?”: 7 cremes personalizados para a semana inteira
  • Pare de mentir a idade!
  • Comente pelo facebook:
    5 de janeiro de 2018
    “As mulheres não devem ter medo da menopausa”, diz endocrinologista sobre esta importante fase feminina

     

    Temida, nebulosa, problemática. Para muitas mulheres, a chegada da fase da menopausa vem recheada de dúvidas, medos, ansiedade e alguns quilinhos a mais.

    Para tentar minimizar as dúvidas e oferecer alguns esclarecimentos importantes, conversei com o médico endocrinologista Paulo Mário F. de Oliveira, professor da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ) e especialista em menopausa.

    O endocrinologista Paulo Mário de Oliveira explica os principais sintomas e cuidados da menopausa

    As 10 dúvidas mais frequentes sobre o tema Menopausa:

    por

  • Treino Power HIIT em casa emagrece e dá condicionamento para mulheres +40
  • Relações plastificadas
  • Baratas, moscas, gripe do manobrista: inimigos que podem invadir o seu carro!
  • Comente pelo facebook: