14 de outubro de 2011
Sem categoria
E continuando nas 40 dicas pra saber se você chegou ou está chegando aos 40…

21- Sempre dar uma esticadinha no rosto com as mãos quando passa em frente a um espelho para saber como ficaria se tivesse coragem de fazer plástica.
22- Ter medo de fazer plástica ou qualquer tipo de preenchimento e ficar com aquela boca estranha, sabe?
23- Fazer preenchimento.
24- Ficar mais loira (mechas ou tinturas na cor mel, caramelo e chocolate ganham espaço).
25- Pensar em cortar o cabelo na altura do ombro.
26- Cortar franja pra dar uma rejuvenescida.
27- Descobrir o significado da palavra Cougar.
28- Ser Cougar ( escreverei sobre isto no próximo post).
29- Achar que está melhor do que há 20 anos, quando usava cabelo pigmaleão e não tirava a sobrancelha.
30- Aprender a se maquiar com elegância.
31- Conhecer e curtir bandas do final dos anos 80.
32- Fazer guitarra imaginária quando toca Dire Straits (Money for nothing é a preferida do air guitar…).

33- Matricular-se num curso exótico, com pegada oriental : cerâmica, meditação chinesa, ikebana, sushi…
34- Querer fazer tatuagem (se nunca teve uma).
35- Querer tirar com laser a tatuagem de por-do-sol com gaivota , super na moda na época da novela Vereda Tropical. 
36- Ter mania de doença.
37- Fazer check-ups anuais e encontrar seus amigos, às 7 horas da manhã, na fila do laboratório. 
38- Ir na balada ou barzinho e não beber porque tem de ficar 72 horas de jejum alcóolico para fazer check-up. 
39- Estar sempre com a unha feita.
40- Saber que os 40 são os novos 30. E curtir a juventude de verdade!  
por
13 de outubro de 2011
Sem categoria
40 dicas pra saber se realmente chegou aos 40.
1- Usar óculos. Pela primeira vez na vida ou voltar a usá-los depois de ter operado a miopia, 10 anos atrás.
2- Gastar um bom tempo da manhã passando cremes: nos olhos, rosto, protetor solar, calcanhares, cotovelos, coxas, joelhos, cabelo, etc …

3- Prestar atenção no que come.
4- Jurar que está comendo direito ( mesmo abusando dos queijos amarelos, massas folhadas e manteiga Aviação).
5-  Sentir umas fisgadas – nas costas, joelho, punho – sem motivo aparente.
6- Trocar os albergues por hoteis nas viagens “de mochila”.
7- Preferir um restaurante a uma balada.
8- Não recordar a última vez que tomou Bombeirinho, Rabo de Galo ou Porradinha.
9- Beber vinho.
10- Tomar porre de vinho bom e prosecco.
11- Buscar algum sentido de vida na espiritualidade ou religião.
12 – Começar a pensar em virar budista ( ou xintoísta, que é mais cool ainda).
13 – Ter amigos há mais de 20 anos.

14- Ter amigos com mais de 20 anos.
15- Começar a pensar em fazer botox ou preenchimento, mas continuar com medo de agulhas.
16- Fazer acuputura.
17- Sonhar com viagens de auto-conhecimento (Índia e Tibet entram na pauta).
18- Trocar a mochila por uma mala de rodinhas. Grande, de preferência.
19- Pagar mais caro pra ter mais conforto. Seja no supermercado, show de rock, salão de beleza…
20- Começar a ficar com preguiça de multidão. Seja no supermercado, show de rock, carnaval ou salão de beleza.      
Amanhã continuo… 
por
10 de outubro de 2011
Sem categoria
Reprodução

Durante meses discuti com um amigo quais seriam as três qualidades imprescindíveis no ser humano. Entre copos de cerveja e muitas risadas, demoramos para chegar ao seguinte consenso: é fundamental ter Sabedoria, Atitude e Presença. É um tripé. Se tirarmos uma, as duas outras não se sustentam. De que adianta ter Sabedoria e Atitude e não ter Presença? Que triste ter Atitude e Presença e não ter Sabedoria…Pior ainda ter Sabedoria e Presença e faltar Atitude. Coincidência ou não, pouco tempo depois o Bradesco lançou o slogan “Presença”. Se as próximas campanhas forem Atitude e Sabedoria, já sabemos que a frequência do Bar  Bom Jesus da Guarará é de altíssimo nível…

PS: o Hotel Emiliano vai lançar um CD para comemorar os 10 anos no final de outubro. As músicas da rádio do hotel são uma delícia. Tem jazz, new soul e uma música moderninha para combinar com a finesse do lugar. Dá para comprar na área de gift do site ( ainda não está á venda). Estou ouvindo agora.
         
por
10 de outubro de 2011
Sem categoria
Faltam dois meses para eu completar 40 anos. E a data está servindo para mim como um marco, um divisor de águas , um AC/DC muito particular. Um casamento, um filho adolescente, alguns namoros, vários tratamentos de beleza e sessões de drenagem linfática depois e eu finalmente vou entrar na casa dos “enta”, uma idade assustadora e ao mesmo tempo gratificante: eu sobrevivi à infância, adolescência , juventude e à vida adulta! Acumulei quilômetros, litros, toneladas de experiência, mas ainda tenho muito a aprender. O que mais me assusta ( e vivo falando isto pras pessoas ao meu redor, que insistem em dizer “Não, não pense isto) é a sensação de ter vivido METADE da minha vida útil e ainda ter um montão de sonhos a realizar. Só posso agradecer até aqui e pedir que a próxima metade seja tão boa, divertida e gratificante quanto a primeira.
     
por
1 37 38 39